A saúde intestinal está relacionada com a saúde integral.  Sendo assim, as funções do intestino vão além da digestão, absorção e eliminação de resíduos.

Devido a sua importância, a ciência agora entende o intestino como nosso segundo cérebro e nossa flora intestinal como um órgão virtual.

Então, nós não somos só o que comemos, mas também somos o que digerimos, absorvemos, utilizamos no nosso organismo e o quão saudável nosso intestino está.

Talvez você não saiba, mas 80% da serotonina do corpo são produzidos nos intestinos. Esse neurotransmissor é responsável pela sensação de bem-estar e felicidade, de modo que esta produção é 4 vezes maior que no próprio cérebro.

Os chineses já diziam: toda doença começa e termina no intestino. Tanto que o intestino também tem papel importante no sistema imunológico e na saúde de todo o organismo.
Bianca Enricone - Saúde Intestinal Versus Saúde Integral - Detox Kriyá - Foto Divulgação

Bianca Enricone – Saúde Intestinal Versus Saúde Integral – Detox Kriyá – Foto Divulgação

Problemas digestivos são bastante comuns na população em geral, principalmente  devido a má alimentação e o aumento do consumo de produtos industrializados.

A perda da saúde intestinal se manifesta primeiramente pela má digestão, gases e constipação. De modo que a maioria dos problemas intestinais ocorre devido ao desequilíbrio da nossa flora intestinal. 

Esse desequilíbrio leva a uma série de eventos começando com o aumento da permeabilidade intestinal, que possibilita a passagem de toxinas que agridem nosso organismo, e o aumento da inflamação do corpo, responsável por agravar doenças já instaladas.

Se por um lado várias doenças como alergias, artrites, dores de cabeça, problemas de pele, câncer, doenças autoimunes, estão relacionados ao mau funcionamento do intestino. Por outro, devolver a saúde dos intestinos promove a melhora das doenças.

O papel do intestino na digestão

Dentre outras funções, o intestino é responsável pela digestão, absorção de nutrientes e eliminação de resíduos, sendo assim de extrema importância para a saúde em geral.

De forma resumida, a digestão tem início na boca, onde os alimentos são mastigados e misturados à saliva. Assim, no estômago sofrem ação do suco gástrico e da pepsina iniciando a “quebra” das proteínas.

Finalmente a digestão se completa no intestino por ação da bile, do suco pancreático e do suco entérico.  Entretanto, no intestino ainda acontece a absorção de nutrientes, aliás, o que não é aproveitado é eliminado através das fezes.

A saber nosso intestino é dividido em dois segmentos: o intestino delgado e o intestino grosso. Esses segmentos são ainda subdivididos em duodeno, jejuno e íleo, e em ceco e cólon consequentemente.

O intestino delgado tem cerca de 6 metros de comprimento. Contudo é nele que ocorre a maior parte da digestão e a absorção dos nutrientes. Logo, o que não é absorvido chega ao intestino grosso, que possui cerca de 1,5 metro. Lá são absorvidos água e os sais minerais que ainda estiverem presentes. Por fim, o restante compõe as fezes que são acumuladas no reto e então eliminadas.

O Segundo Cérebro

Apesar ser um órgão essencial para a digestão, absorção de nutrientes, e excreção, o intestino é considerado por muitos estudiosos o segundo cérebro, visto sua importância na produção da serotonina. Cerca de 80% da serotonina é produzida no intestino, 4 vezes mais que o cérebro.

Certamente,  a saúde intestinal interfere na saúde geral, incluindo a saúde mental.

Pois a conexão intestino – cérebro não para por aí, a flora intestinal parece ter papel importante na ansiedade e depressão. Foi o que demonstrou um estudo da Universidade McMaster, no Canadá, que relaciona a microbiota intestinal com os comportamentos decorrentes do estresse.

Veja aqui: Bactérias do Intestino Podem Desencadear Ansiedade e Depressão. 

A flora intestinal é cada vez mais estudada e com razão. Nosso intestino carrega um número dez vezes maior de bactérias do que o número de células que temos em nosso corpo.

Em primeiro lugar essa microbiota é a nossa primeira defesa imunitária.  Aliás, ela nos ajuda a proteger de infecções, digerir alimentos, de forma que a saúde intestinal tem papel fundamental na saúde geral do organismo.

A Flora Intestinal E a  Saúde Intestinal:

A saúde começa no intestino. Logo, estima-se que cerca de 100 trilhões de bactérias moram no nosso trato intestinal. Essa microbiota é de extrema importância para nossa imunidade e prevenção de doenças, tanto que é conhecida com um órgão virtual.

Em primeiro lugar precisamos eliminar a ideia de que todas as bactérias são prejudiciais. Uma criança criada em um ambiente exageradamente estéril desenvolve mais problemas de saúde que uma criança criada em contato com sujeira.

Em um intestino considerado saudável temos 80-85% de bactérias boas e apenas 15-20% ruins. Nesse sentido essas bactérias boas auxiliam na digestão, promovendo a função gastrointestinal normal, além de protegerem a parede intestinal.

Por outro lado, as bactérias ruins destroem a membrana intestinal, aumentam a permeabilidade da membrana, atacam os lactobacilo entre outras bactérias do bem que ajudam na digestão e na integridade intestinal.

Nossa saúde intestinal pode ser determinada igualmente pela nossa flora intestinal e a barreira intestinal. Assim, qualquer alteração na nossa flora intestinal afeta não somente a saúde intestinal como a do corpo em geral.

Quando o número de bactérias maléficas no nosso intestino ultrapassa a quantidade de bactérias benéficas, ocorre o que chamamos de disbiose. Aliás, esse desequilíbrio leva ao aumento da permeabilidade intestinal e como consequência a inflamação.

Infelizmente essa alteração na membrana intestinal permite que substâncias tóxicas, parasitas e alimentos não totalmente digeridos atravessem a membrana e se espalhem pelo corpo, desencadeando o aparecimento de inúmeras doenças como distúrbios intestinais, alergias, artrite, problemas cardíacos, câncer, depressão, entre outros.

Bianca Enricone - Saúde Intestinal Versus Saúde Integral - Detox Kriyá - Foto Divulgação

Bianca Enricone – Saúde Intestinal Versus Saúde Integral – Detox Kriyá – Foto Divulgação

Os maus hábitos alimentares como por exemplo o aumento do consumo de produtos industrializados e dieta rica em carboidratos contribuem para a alteração da nossa flora intestinal. Mais uma vez, os carboidratos são os grandes vilões, uma vez que as bactérias maléficas se alimentam deles.

Fatores que contribuem para a perda da saúde intestinal:
  • Alguns medicamentos como antibióticos, anti-inflamatórios, antiácidos.
  • Dietas ricas em carboidratos refinados, açúcar e alimentos industrializados
  • Dietas pobres em fibras
  • Toxinas
  • Estresse
  • Infecções crônicas
Alimentos que contribuem para uma flora intestinal saudável:
  • Frutas
  • Verduras
  • Iogurte natural caseiro
  • Kefir

Apesar do leite e derivados apresentarem boas quantidades de lactobacilos, os pontos negativos são maiores que os benefícios. Sendo assim, a lactose e a proteína do leite quando ingerida de forma natural agride o intestino e aumenta a permeabilidade da membrana.  Por outro lado, o iogurte de kefir é benéfico e ainda  melhor que o iogurte natural caseiro.

A saúde e a doença começam e terminam no intestino

Como vimos as alterações na flora intestinal e da permeabilidade da membrana levam à perda da saúde intestinal, entretanto, interferem no funcionamento de todo o organismo, de modo que podem desencadear diversas doenças.

As principais doenças que afetam o intestino são inflamações levando assim a cólicas abdominais, diarreias, gases. Ainda, constipação, hemorroidas, fissura, retocolite ulcerativa, doença de Crohn, pólipo e câncer são doenças comuns relacionadas com a perda de saúde do intestino.

Vários outros problemas estão relacionados ao mau funcionamento do intestino, como por exemplo: alergias, asma, artrites, dores de cabeça, problemas de pele, diabetes, obesidade, artrite reumatóide, insuficiência cardíaca, autismo, depressão e síndrome de fadiga crônica.

Invista na sua Saúde Intestinal!

Bianca Enricone - Saúde Intestinal Com A Saúde Integral - Foto Divulgação

Bianca Enricone – Saúde Intestinal Com A Saúde Integral – Foto Divulgação

O bom funcionamento do intestino é imprescindível para a saúde geral do corpo, bem-estar físico e mental, visto que o intestino é responsável por grande parte da produção de serotonina, neurotransmissor que regula o humor. É importante ainda para a defesa do corpo e digestão e absorção dos nutrientes.

É claro que para se viver bem, devemos partir da saúde do intestino mantendo-o limpo e saudável. Para isso, devemos aliar uma alimentação saudável com o Programa Detox Kriyá.

Atualmente uma alimentação saudável não fornece todos os nutrientes essenciais para que nosso organismo possa trabalhar corretamente. Sendo assim, precisamos suplementar, se é que queremos ter uma vida longa e com saúde. Acima de tudo a nutrição celular é defendida por renomados nutrólogos como o Dr. Lair Ribeiro. Conheça Aqui.

Também incluir as fibras na nossa alimentação faz com que nosso intestino trabalhe corretamente. As fibras são importantes porque aumentam o volume das fezes e aceleram o transito intestinal, dessa forma as toxinas podem ser eliminadas mais rapidamente.

Quando as toxinas não são eliminadas, elas serão distribuídas por todo o corpo. O Detox Kriyá promove a limpeza orgânica do sistema digestório. Assim, nosso organismo pode exercer corretamente todas suas funções, prevenir e tratar doenças.

Eu sou Bianca Enricone, agradeço a sua companhia até aqui e convido você a embarcar nessa jornada em busca de uma vida plena! Peço que visite o site e as redes sociais se inscreva no canal, e me ajude a divulgar e compartilhar a saúde integral.

Entre em contato comigo pelo whats app 

Bianca Enricone - Foto Divulgação

Bianca Enricone – Foto Divulgação

Siga a Dra. Bianca Enricone nas Redes Sociais:

Facebook 

Instagram 

YouTube

Fotos: Divulgação / Arquivo Pessoal

Fonte: Bianca Enricone
Assessora de Imprensa

Leia também: Sono de qualidade! Aprenda a dormir.


5 comentários

Rogério Breitkopf· 2 de junho de 2020 às 15:11

Boa tarde , outro fator muito importante e a atividade física .

Doenças intestinais - principais sintomas e tratamentos. - Bianca Enricone· 21 de agosto de 2020 às 08:42

[…] As funções do intestino vão além da digestão, absorção e eliminação de resíduos. De modo que a saúde intestinal está relacionada com a saúde integral. […]

Diverticulite e diverticulose, Ddferenças, causas e sintomas - Bianca Enricone· 26 de agosto de 2020 às 09:17

[…] saúde do intestino é essencial para a saúde integral, por isso, ao mantê-lo saudável e limpo, nosso organismo estará fortalecido para combater as […]

Síndrome do cólon irritável. Como identificar e tratar! - Bianca Enricone· 31 de agosto de 2020 às 09:35

[…] Vimos anteriormente que a saúde do intestino está relacionada com a saúde integral. Dessa forma, somos o que digerimos, absorvemos, utilizamos no nosso organismo e o quão saudável nosso intestino está. […]

Artrose e seu intestino. Será que tem alguma ligação? - Bianca Enricone· 25 de outubro de 2021 às 08:01

[…] vimos aqui que a saúde intestinal está relacionada com a saúde integral, de modo que o desequilíbrio da microbiota intestinal leva ao aumento da permeabilidade da […]

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Shopping cart0
Seu carrinho está vazio =(
Continuar Comprando
Precisa de ajuda?